NA LISTA VIP

Como o ARMY tem ajudado o Brasil.

O Army Help The Planet é o primeiro convidado da segunda temporada do podcast do Tracklist.

Engajamento e solidariedade são duas palavras que resumem o fandom ARMY. Naturalmente, essas características deram origem a projetos sociais ao redor do mundo, entre eles o Army Help The Planet (AHTP), uma iniciativa ambiental e filantrópica realizada pelo fandom brasileiro do BTS.

No primeiro episódio da segunda temporada do Lista VIP, podcast do Portal Tracklist, os jornalistas Rodrigo Neves e Luciana Lino conversaram com uma representante do AHTP sobre o surgimento do projeto, o engajamento do fandom e a influência do BTS nas ações beneficentes dos fãs.

“A gente queria trazer essa oportunidade das ARMYs brasileiras poderem compartilhar e ajudar em ações sociais e ambientais”, diz Myllena Nolasco, representante do ARMY Help The Planet.

O AHTP não surgiu do dia para a noite, ele começou em agosto de 2019 quando as queimadas na Amazônia tomaram as manchetes após a mudança na cor do céu em São Paulo. Pensado inicialmente para reunir pequenos grupos em projetos ambientais locais, hoje o ARMY Help The Planet reúne cerca de 60 voluntários em 12 departamentos. Além disso, a iniciativa acumula mais de 40 mil seguidores apenas no Twitter e é parceira de instituições como o Greenpeace e a FioCruz.

O apoio de fanbases do grupo foi essencial para a divulgação e sucesso do projeto, mas a principal inspiração para a filantropia dos fãs são os próprios ídolos. De músicas com letras criticando a sociedade, à uma doação de um milhão de dólares para o movimento Black Lives Matter nos EUA e parcerias com a UNICEF nas campanhas LOVE MYSELF e #ENDViolence, o BTS cria uma rede de influência positiva e transforma seu exército de fãs em uma força de transformação social pelo mundo. “Artistas influenciam pessoas o tempo todo, isso não é nada novo”, explica Myllena, “mas o BTS tem uma boa influência que está marcando gerações”.

Confira a participação completa do AHTP no Lista VIP